[ editar artigo]

Você sabe o que é vigorexia?

Você sabe o que é vigorexia?

Que o esporte é um ótimo aliada para quem deseja ter um estilo de vida mais saudável todo mundo já sabe, mas cuidado, para tudo existe limite! Atividade físicas em excesso pode trazer malefícios e inclusive pode se classificar como um transtorno psicológico, a vigorexia. 

A vigorexia é uma doença psicológica caracterizada pela insatisfação constante com o corpo e fazendo com que a pessoa pratique mais atividades físicas do que eu o seu corpo suporta. Como resultado, pode provocar persistentes dores no corpo, muito cansaço, anorexia, insônia e aumento da frequência cardíaca de repouso e menor desempenho sexual. 

Como descobrir se eu tenho esse transtorno?

Fique atento aos sinais! 

Quem sofre com esse transtorno apresenta alguns sinais. São eles: preocupação excessiva com a aparência, pensamentos negativos acerca da própria imagem, tristeza e baixa autoestima que chegam ao ponto de prejudicar a vida social e profissional.

O melhor tratamento é a aceitação 

É importante lembrar que uma pessoa que sofre com vigorexia pode e deve manter uma rotina de atividades físicas, porém a dosagem deve ser diminuída e é preciso sempre ter a orientação de um profissional da saúde, principalmente um psicólogo. 

De acordo com a Fundação Getúlio Vargas  41% dos jovens dizem se sentir tristes, depressivos ou ansiosos em contato com as redes sociais. Isso se dá ao bombardeamento diário de imagens de corpos "ideais" e padrões de vidas quase impossíveis para a maior parte da população. Porém, o que deve ser lembrado é que todo corpo é único e cada jornada é única. O importante é se olhar com carinho e praticar o autocuidado. Não existe uma fórmula mágica para isso, mas existem algumas técnicas que podem auxiliar: 

  • Evite seguir contas nas redes sociais de pessoas que apresentam um padrão de corpo e de vida muito diferentes do seu. Atualmente, existem diversos perfis na internet, então procure para acompanhar influenciadoras com o biotipo mais parecido com o seu e que não apresentam uma realidade tão utópica.

  • Tente não se comparar. O mundo em que vivemos é sustentado pela competitividade. Isso nos faz acreditar que nosso próprio sucesso pessoal ou profissional só será alcançado quando superarmos o de outras pessoas. Deixe as comparações todas de lado.

  • Se olhe com mais frequência no espelho e comece a listar o que você mais gosta na sua aparência. Se amar é um exercício diário!

Trocar escolhas antigas por hábitos mais saudáveis é a melhor saída. Cuidar da saúde mental em parceria com as atividades físicas, pode ser a melhor forma de prevenir distorções, angústias e sofrimentos relacionados à percepção de si.

A Voit espera que esse conteúdo tenha sido útil e servido de incentivo a cuidar cada vez mais da sua saúde física e mental. Lembrando que esse espaço é colaborativo. Você que também está evoluindo praticando esportes, escreva no Mundo Voit e compartilhe experiência com outros Voiters, para que possamos evoluir cada vez mais!

 

Brenda Meira - Comunicação Voit 

 

Ler conteúdo completo
Indicados para você